Alandroal

Depois da fotovoltaica do Freixial "temos contactos para mais investimentos na área das energias renováveis", avança João Grilo

Regional 10 Jul. 2019

Decorreu esta quarta feira, 10 de julho, a cerimónia de lançamento da primeira pedra da Central Solar do Freixial, em Alandroal.

Para o autarca de Alandroal, João Grilo “é um momento muito importante para o concelho, foi um processo em que nos empenhamos a fundo para ajudar os investidores, contámos com a ajuda da secretaria de estado e do ministério para desbloquear todas as situações pendentes”.

João Grilo refere que “a energia que vai ser aqui produzida é mais que a necessária para abastecer todo o concelho de Alandroal”.

“A nossa expetativa é que no futuro possamos vir a ter outros investimentos como este”
João Grilo

Questionado pela RC sobre eventuais vantagens deste tipo de investimentos para o concelho, o autarca considera que “temos um lado de criação de emprego, de criação de receitas diretas para o município, através dos impostos que vão ser gerados”.

“Pretendemos alavancar o desenvolvimento do concelho com este tipo de investimentos, que são ecológicos e que podemos considerar como o futuro”
João Grilo

Relativamente aos apoios que o município deu, João Grilo refere que “ o apoio que foi dado foi nós assumirmos que este foi um projeto prioritário para o município, lideramos o processo junto da secretaria de estado da energia, fomos ultrapassando obstáculos até chegarmos aquilo que os investidores desejavam”.

Questionado sobre a possibilidade de virem a existir mais projetos semelhantes, o edil refere que “fomos contactados para mais 2 projetos deste género, demos esse parecer favorável, os investidores agora têm de seguir o caminho que a secretaria de estado definiu”.

“O Município está recetivo a este tipo de investimento”
João Grilo

Naquilo que concerne a eventuais impactos na paisagem, João Grilo considera que “o concelho é muito vasto, tem bastante terrenos como este que temos aqui e a verdade é que podemos ter estes projetos com as pastagens em simultâneo”, acrescentando que “não tem um impacto ambiental significativo, as arvores e as pastagens são compatíveis com os painéis solares”.

Últimas notícias

Histórico de Notícias

« Dezembro 2019 »
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31